Campus Party é o festival mais importante do mundo nas áreas de inovação, criatividade, ciência e entretenimento digital. Criado na Espanha em 1997, o evento foi concebido na intenção de criar a maior comunidade de informações geek do planeta e incentivar as pessoas a usar seus talentos e conhecimentos para criar um mundo melhor através da tecnologia.

Atualmente, edições anuais acontecem em São Paulo, Brasil, em Valência, Espanha, em Bogotá, Colômbia e na Cidade do México. Nos últimos 15 anos, mais de 155 mil campuseiros – como são chamados os participantes do evento – compareceram às 29 edições da Campus Party que aconteceram em sete países, entre toda a Europa e América Latina.

O evento

Durante os dez primeiros anos, a Campus Party ficou limitada a sua origem, na Espanha. A partir de 2008, o evento se tornou internacional. Entre 2008 e 2011, a Campus Party passou pelo México, Colômbia, Brasil, Equador, Iberoamérica e Europa. Em 2012 serão celebradas as primeiras edições em Lima, no Peru e no Vale do Silício, nos EUA.

O evento reune milhares de pessoas para colaborar, aprender e debater os principais assuntos sobre tudo que é relacionado à tecnologia. Entre as atividades desenvolvidas, estão palestras, debates, competições e oficinas que buscam analisar e conhecer as tendências do universo da inovação.

cronology-campus-party (Foto: cronology-campus-party)Cronologia da Campus Party (Foto: divulgação)

Com o objetivo de facilitar a participação das pessoas, a organização do festival é divida em quatro Zonas principais: Inovação, Criatividade, Ciência e Entretenimento Digital. Dentro de cada Zona, estão as Áreas de Conteúdos, onde ocorrem as atividades programadas.

A Zona Ciência conta com as Áreas de Astronomia e Espaço, Modding e Eletrônica, e Robótica. Na Zona Criatividade temos Social Media, Design, Foto e Vídeo, e Música. Já a Zona Inovação aborda as Áreas de Desenvolvimento, Segurança e Redes, e Software Livre. Na Zona Entretenimento Digital, encontramos as Áreas de Games e Simulação.

Os participantes do evento têm livre acesso entre estes os espaços. Em cada uma destas Áreas de Conteúdos encontra-se um assessor e uma equipe que fica responsável pela organização das atividades.

Num ambiente totalmente interativo e multidisciplinar, experiências profissionais e de vida são trocadas o tempo todo.  Lá, os usuários interagem o dia inteiro para reproduzir o que realmente é o conceito de Internet: uma rede feita por pessoas reais.


A história

A Campus Party foi fundada pelos amigos Paco Ragageles, Pablo Antón e Belinda Galiano. Os três se reuniram e colaboraram com centenas de dedicados tecnólogos para criar um festival de ensino focado em novas tecnologias e no poder unificador da Internet.

fundadoresOK1-300x145
Fundadores da Campus Party (Divulgação)

A Campus Party foi resultado dessa visão coletiva, e se tornou um local onde os geeks encontram seu lugar, compartilham suas percepções e aprendem através de workshops e palestras.

Desde a primeira edição do evento, o trio de amigos queria que a Campus Party crescesse e se tornasse  um fenômeno internacional. Seguindo esse propósito, o festival cruzou o Atlântico em 2008 para a sua primeira edição no Brasil e na Colômbia. Desde então, já lançou edições do evento em outros quatro países da América Latina.

No Brasil

A primeira vez que o evento aterrisou em terras tupiniquins aconteceu em 2008, e foi a primeira edição internacional do evento.

Campus Party 2008

Realizada entre 11 e 17 de fevereiro, reuniu cerca de 3,3 mil campuseiros no prédio da Bienal de São Paulo. A Campus Party de 2008 contou com uma conexão divulgada de 5 Gbps de velocidade.

Personalidades marcantes do evento

Jonh Maddog Hall: presidente e diretor executivo da Linux International, defensor do software livre no mundo.

Jon “Maddog” Hall (Foto: Allan Melo (TechTudo))
Jon “Maddog” Hall (Foto: Allan Melo / TechTudo)

Marcos Pontes: o tenente-coronel da Força Aérea Brasileira foi o primeiro e único membro brasileiro do famoso programa de treinamento de astronautas da NASA.

Steven Johnson: um escritor norte-americano na área de divulgações científicas. Desde 2006 dirige a comunidade Outside-in.

Heather Camp: Community Manager do Flickr, realizou uma palestra a respeito do indexador de fotos.

Related Posts

Olá Dev! Neste artigo falarei um pouco sobre microsserviços e principalmente com iniciar com esta ...
Fernando maringeek
14 de junho de 2017
Quando falamos de Test Driven Development (Desenvolvimento guiado por testes) estamos dispostos a ...
Fernando maringeek
14 de junho de 2017
Elon Musk parece mesmo disposto a lançar um Tesla mais barato e acessível — até aí, nenhuma ...
clebao
14 de junho de 2017